Arriscar-se?!?!


“Eu caminhava tranquilamente, quando um ônibus subiu na calçada e me atropelou. Quando cheguei ao hospital, com em dor brutal, escutava os enfermeiros perguntando entre si se eu iria sobreviver. Nesse momento, um grande desespero tomou conta de mim. Eu, que sempre vivi com medo de tudo, de andar de motocicleta, de jet ski, de escalar montanhas, estava correndo o risco de morrer por ter sido atropelado por um ônibus enquanto caminhava na calçada. Naquele momento, prometi a mim mesmo que, se sobrevivesse, não deixaria de fazer mais nada por causa do medo. Graças a Deus sobrevivi, e a primeira decisão que tomei foi pedir demissão do emprego, que não tinha nada a ver comigo. Então me tornei fotógrafo, profissão que realmente adoro. Ganho mais do que antes, porém o mais importante é que hoje eu sou um sujeito feliz.”
Autor Desconhecido

Nenhum comentário: